Acompanhe aqui:

13 de fevereiro de 2016

Top 10 de enterradas de baixinhos


Dizem que você pode ter tudo no basquete. Se você não é bom em algum fundamento, se trabalhar de forma exaustiva, pode evoluir e virar um especialista, ou pelo menos um jogador confiável. Mas olheiros, técnicos e gerentes gerais afirmam que a única coisa que você não consegue em um jogador: tamanho. Ou você tem ou você não tem. Quando você encontra um jogador acima dos 2,15m que saiba se mover ou pelo menos quicar uma bola de basquete, há chances dele atrair os olhares de qualquer equipe de basquete e vier atuar na NBA.

Isso não é garantia de sucesso. Pelo contrário. A história nos mostra inúmeros profissionais que só entraram na NBA pelo tamanho e não passaram de 5 temporadas (até menos). Excesso de tamanho e pouquíssima qualidade. E o que dizer de um rapaz de 1,60m de altura? Coitado. Deve ser engolido pelas defesas adversárias. Enterrar? Dificilmente. Na transmissão da ESPN no jogo das celebridades, podemos observar novamente o baixinho Muggsy Bogues. Mesmo sendo o jogador mais baixinho a trilhar caminho na NBA, Bogues conseguiu 14 temporadas no melhor basquete do mundo.

Selecionado pelo Washington Bullets na 12ª escolha do Draft de 1987, permaneceu na liga até 2001. Ao todo foram 6858 pontos, 6727 assistências e 2318 rebotes. Carreira no Bullets, Charlotte Hornets, Toronto Raptors e Golden State Warriors. Seu melhor ano foi em 1993-1994 quando acabou sendo responsável por 10,8 pontos, 10,1 assistências e 4,1 rebotes.

Questionado se um dia ele conseguir dar uma Dunk, fui procurar e não achei. Mas achei um bom tema de post: top 10 de baixinhos que já enterraram. Antes de tudo, queria registrar quo o "baixinho" é para os parâmetros da NBA, né.

Eric Bledsoe - 1,85m
Will Bynum - 1,83m
CP3 - 1,83m
T.J. Ford - 1,80m
Allen Iverson - 1,83m
J.J. Barea - 1,83m
Jonny Flynn - 1,83m
Ty Lawson - 1,80m
Nate Robinson - 1,75m
Spud Webb - 1,70m



Ah, e para quem não lembra, o Bogues foi um dos jogadores que perdeu os talentos no Space Jam.

Siga o Paixão NBA no Twitter

1 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!