Acompanhe aqui:

30 de setembro de 2015

O jogador que não tomava banho

Adam Morrison, no centro, esbanjando higiene
Veja no PN >>> Conheça a história do primeiro surdo na NBA

Você lembra do Adam Morrison? Sim, estou falando daquele cara todo estranho, grandalhão, número 3 do Draft de 2006 (selecionado pelo Charlotte Bobcats). Sua carreira na NBA durou quatro anos e, como alguns aqui sabem, não decolou e hoje ele está aposentado. Tudo estava calmo na vida de Morrison, ninguém lembrava dele, até que Jared Dudley resolveu entregar um hábito pouco higiênico da parte do ex-jogador: ele costumava NÃO tomar banho.

De casa nova, Dudley agora vai jogar no Washington Wizards depois de um bom ano atuando com a camisa do Milwaukee Bucks. Ele conta que em 2006 os companheiros de equipe, principalmente Gerald Walace, precisava pegar Morrison e colocá-lo debaixo dos chuveiros. Por contra própria, ele não tomava. Além disso, passava o dia inteiro mascando tabaco e usava as mesmas três camisetas a temporada inteira. É mole?

"Você se lembra Adam Morrison? Ele nunca se lavava, mastigava tabaco o tempo inteiro e sempre usava as mesmas três camisas. Ele conseguiu bastante dinheiro naqueles tempos. Era a imagem  na luta contra a diabetes, estava em todos os cartazes de partidas universitárias, estava em toda parte... e ele foi de longe o mais repugnante".

Morrison foi diagnosticado com diabetes tipo 1 quando tinha 13 anos. Desde lá, leva uma vida toda regulada e sempre foi um exemplo na luta contra a doença. Na NBA, ele começou bem no Bobcats, mas logo teve uma lesão séria no joelho e perdeu o segundo ano inteiro. Foi trocado e parou no Lakers, onde conquistou dois títulos (em um não participou dos playoffs, mas fazia parte do elenco).

Participou de 161 pelejas, anotou 1200 pontos, apanhou 342 rebotes e distribui 222 assistências em sua breve passagem na liga. Colocou no bolso quase 17 milhões de dólares. Tá bom para você? Esse sim é um jogador sujo. Literalmente.

Siga o Paixão NBA no Twitter

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!