Acompanhe aqui:

30 de janeiro de 2015

Damian Lillard se revolta com ausência no All-Star Game


Siga o PN no Twitter

Já conhecemos todos os 24 jogadores que participarão do All-Star Game, dia 15 de fevereiro, em New York. Nessa lista não podemos contar com Damian Lillard, que foi ignorado pelos fãs (votação inicial), pelos técnicos e pelo comissário Adam Silver. Hoje a NBA anunciou DeMarcus Cousins como substituto de Kobe Bryant, acabando com QUALQUER chance do menino do Portland Trail Blazers.

O armador que atuou no jogo das estrelas de 2014 e vários outros eventos da NBA All-Star Weekend de New Orleans, fica de fora justo quando sua evolução é visível. Nas redes sociais, Lillard não escondeu o descontentamento e disparou várias palavras de indignação, tratando o episódio como uma falta de respeito.

Em entrevista a CSNNW.com, ele declarou que sempre agiu da melhor maneira, com a equipe, adversários, fãs e nunca desrespeitou as regras impostas pela liga. Em seu instagram, publicou a seguinte mensagem:

"Eu só quero agradecer aos treinadores que entenderam que eu não sou bom o suficiente, a quem não acredita que não sou bom, e Adam Silver por pensar que eu não sou bom o suficiente. Esse não é um território novo para mim, na verdade é o que tem inspirado minha vida. Eu estaria mentindo se eu dissesse que não me decepcionei ou não me senti desrespeitado. Não é a primeira e nem a última pessoa a ser menosprezado. "Você deveria estar lá" não é o suficiente para mim. Mas de qualquer maneira, a razão pela qual estou usando esses tênis, é porque sempre usei as mãos a meu favor. Um homem sábio me disse uma vez: 'nem sempre tudo será pêssego e creme, mas alguém terá que pagar por aquilo que não é'".

Em 2014/2015, Lillard tem média de 21,8 pontos, 6,2 assistências, 4,6 assistências e 43,4% de aproveitamento nos chutes de quadra. Ele faz uma temporada melhor em quase todos os fundamentos do basquete em relação a 2013/2014. Sua ausência é algo para questionar mesmo. Não dá para entender o motivo de sua NÃO participação no jogo. Paciência.

2 comentários :

O certo seria colocar o James Harden no lugar do Kobe, pois ele ficou em 3° nos armadores. No banco colocaria o Lillard. Não faz sentido nenhum colocar um pivô no lugar de um armador .-.

Mas o DeMarcus Cousins não será titular. Ele apenas vai cobrir a ausência do Kobe para fechar os 12 do oeste. A decisão do titular sairá do coach Steve Kerr. Deverá ser o Harden.

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!