Acompanhe aqui:

2 de dezembro de 2014

Uma decepção chamada Charlotte Hornets



Não me arrependo nenhum pouco sequer de ter colocado o Charlotte Hornets entre os principais times da conferência leste. O time é bom no papel, no entanto ainda não encaixou. Não encaixou mesmo. Sofrendo nesse início de 2014/2015, os comandados de Steve Clifford acumulam 14 derrotas em 18 jogos (aproveitamento esdruxulo de 22%) e uma sequência de 9 derrotas seguidas. Até o Los Angeles Lakers, sim aquele time sofrível do Byron Scott tem campanha melhor. 

O time tem o seu big three (pouco badalado) que decaiu muito em relação ao ano passado. A dupla de armadores Kemba Walker e Lance Stephenson estão amassando o aro. Amassando sem dó, meus amigos. Al Jefferson segue a principal arma ofensiva e tem média de 20 pontos, porém está tomando um baile na hora de defender e viu sua média de rebotes cair de 10,8 para 7,5. Voltando a falar da dupla Kemba e Lance, ambos combinam para 438 arremessos e apenas 138 convertidos, um aproveitamento de 36%. Vindo com muita moral do Indiana Pacers, o doido do Lance chutou 38 bolas de três e só viu 7 morrer lá dentro (aprov. de ridículos 18,4%). Já Kemba vem forçando muito, não consegue ser consistente e sofre para acertar 40+% nos chutes. De 17,7 pontos e 6,1 assistências em 2013/2014, o menino Kemba anota 14,0 pontos e 5,7 assistências por noite. #VOLTAKEMBÃODAMASSA. 

Sei que tem um time por trás de tudo isso, no entanto tem algo errado se as principais armas do elenco estão em má fase e não conseguem se acertar. Algo muito errado. O alento é que os Hornets estão no leste e qualquer sequência positiva te coloca na briga novamente. O New York Knicks do ano passado, que perdeu, perdeu, perdeu e perdeu, ainda teve chances de pós-temporada. Ainda tenho uma leve esperança no time, mas é inegável que é uma GRANDE decepção.

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!