Acompanhe aqui:

14 de dezembro de 2014

A turma do Draft de 2014 pouco empolga


Os palpites do blog para os jogos da NBA

Antes mesmo do Draft de 2014 acontecer, lá em 26 de junho, havia muita expectativa por essa turma de jogadores. Era #TANKFORWIGGINS, #TANKFOREMBIID, #TANKFORPARKER desde o início da temporada passada. O Andrew Wiggins, por exemplo, em 2013 mesmo já ganhava uma notoriedade acima do comum e era o mais cotado, de longe, para ser a primeira escolha. O menino da Universidade de Kansas já era chamado do "Novo LeBron". Até mesmo quem não estava cotado a ser grande escolha, como Doug McDemmort, era badalado devido ao caminhão de pontos em Creighton. Com uma boa quantidade de jogos já disputadas pela nova turma, como eles estão?

Bom, o primeiro ano na NBA é sempre complicado. Sair do basquete universitário, se adaptar ao novo estilo de jogo, às regras, ao contato físico contra os melhores atletas do planeta... é tudo novo. E parece que os calouros dessa temporada estão sentindo até demais. Sem empolgar, os draftados em 2014 ainda não se destacaram e seus desempenhos resultam em números baixos.

Quem disparada (podemos dizer assim?) na briga pelo prêmio de Rookie of The Year é Jabari e Wiggins (foto do post). Seus números são quase idênticos. O que afeta o jogo dos dois é a inconsistência.  Há noites que Wiggins anota 6 pontos, na outra engata uma sequência de 2 partidas com 20+ pontos e depois pouco produz. Jabari é a mesma coisa. 

Para que fique claro, não estou cobrando média de 30 pontos, 10 rebotes e 5 assistências pela garotada. O que quero salientar é que toda aquela badalação foi em vão até o prezado momento. Me sinto um pouco até decepcionado. Wiggins foi trocado para os Wolves, Jabari alterna entre bons e maus jogos, Embiid ainda não atuou, as lesões estão consumindo, há atletas já indo para a D-League e alguns ainda sequer foram aproveitados pelos treinadores. Se você analisar rapidamente, já verás um pouco da produção dos atletas.

Draft 2014

Pontos:

Andrew Wiggins (MIN): 12,6
Jabari Parker (MIL): 12,5
K.J. Daniels (PHI): 9,6
Zach LaVine (MIN): 9,1
Elfrid Payton (ORL): 6.5

Rebotes:

Jabari Parker (MIL): 5,6
Andrew Wiggins (CLE): 4,0
K.J. Daniels (PHI): 3,9
Jusuf Nurkic (DEN): 3,6
Elfrid Payton (ORL): 3,3

Assistências:

Elfrid Payton (ORL): 4,9
Zach LaVine (MIN): 3,1
Spencer Dinwiddie (DET): 2,5
Shabazz Napier (MIA): 2,0
Dante Exum (UTA): 2,0

Quem foi draftado, jogou de fato na NBA?

2014: 37/60 (61%)
2013: 47/60 (78%)
2012: 54/60 (90%)
2011: 53/60 (88%)
2010: 49/60 (81%)
2009: 50/60 (83%)
2008: 50/60 (83%)

É o pior aproveitamento da história do Draft desde o seu novo formato (2 rodadas com 30 escolhas).

Esses muleques ainda tem muito futuro e ainda vão evoluir demais, mas eu confesso que esperava mais. As lesões atrapalharam, alguns caíram em algumas frias e outros ainda não tem espaço devido o time já estar acertado. Em breve voltaremos analisar este draft. De momento é isso.

1 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!