Acompanhe aqui:

2 de setembro de 2014

A vontade de Anderson Varejão se aposentar em Cleveland


Desde 2004 na equipe, Anderson Varejão já começa a olhar para seu futuro. Cotado para ser titular na temporada, o pivô ainda corre riscos de ser envolvido em uma negociação e sair de Cleveland. Porém, se depender dele, isso não vai acontecer.

Esse é o famoso "ano de contrato" onde o atleta vai para o seu último ano garantido na franquia. Para 2014/2015, Anderson vai receber quase 10 milhões de dólares, no entanto apenas 4 milhões são garantidos. Os Cavs podem trocá-lo, mas o desejo é de ficar mais anos em Ohio.

Disputando o Mundial de basquete com a seleção brasileira, Varejão deu umas palavrinhas para a galera do NBA Maniacs e confirmou a vontade de permanecer nos Cavaliers: "Eu quero ficar em Cleveland, mas agora eu não penso nisso. Eles sabem o que quero fazer, sabem que eu quero ficar." No fundo, depois de tudo o que passou na franquia, a vontade real é de se aposentar em Ohio. É um ícone, é conhecido por todos, a torcida adora a "noite das perucas" e ninguém imagina ele fora. 

E cara, estamos falando de um cara que viveu o céu e o inferno muitas vezes ao longo dessa década com a camisa 17. Pegou a chegada de LeBron, o crescimento, a chegada à final, os fracassos nos playoffs, a saída de James e todo aquele período de derrotas. Ele se manteve firme e sempre demonstrou amor aos Cavs. Sair agora que o time tem reais chances de título?

Inclusive após a saída de James, cresceram as suas responsabilidades e Anderson precisou marcar presença nas jogadas de ataque. Em 2012/2013, antes da lesão, o brasileiro estava com média de 14,1 pontos e 14,4 rebotes. Um monstro. Em 2013/2014, a comissão técnica resolveu apostar em Andrew Bynum e jogou Andy pro branco. Péssima escolha.

Agora ele tem tudo para ser titular e ser importante ao lado de Kevin Love, LeBron e Kyrie Irving. O técnico David Blatt saberá usar a força de Varejão tanto no ataque como na defesa. A nossa torcida é que os problemas físicos não atrapalhem. 

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!