Acompanhe aqui:

11 de junho de 2014

Kawhi Leonard aparece e é o cara da noite


O San Antonio Spurs viajou até a Flórida e passou por cima do Miami Heat. O placar de 111x92 retrata bem o que foi o jogo. Desde o primeiro minuto, a equipe do Texas dominou as ações e depois só precisou controlar a vantagem. Esse triunfo passa por N motivos, no entanto o principal tem nome e sobrenome: Kawhi Leonard

Sumido nos primeiros jogos (o excesso de faltas contribuiu bastante), Leonard teve sua melhor atuação nos playoffs na carreira: foram 29 pontos (aproveitamento de 77% nos arremessos de quadra), 4 rebotes e 2 roubos de bola. 

É o primeiro atleta NÃO chamado Tony Parker, Tim Duncan ou Manu Ginobili a marcar 25+ pontos nos playoffs com a camisa dos Spurs desde David Robinson, em 29 de abril de 2000. É surreal. Nesse jogo 3, no intervalo, o camisa 2 tinha 18 pontos (a soma dos 2 primeiros jogos). Sua média salta de 9 pontos para 15,6. Seu belíssimo trabalho defensivo somado ao poder ofensivo fez de Leonard, a 15ª escolha do Draft de 2011, o cara da partida.

Ele tem apenas 22 anos, está na segunda NBA Finals (e como titular, diga-se passagem), tem todo esse talento e ainda trabalha com Gregg Popovich. Eu não quero alimentar expectativas, porém me atrevo dizer que o futuro dele será brilhante. O futuro da franquia Spurs tem nome. 

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!