Acompanhe aqui:

26 de março de 2013

Uma criança chamada Dwight Howard


Dwight Howard sofreu uma falta técnica após ficar indignado com a forma que David Lee deixou o braço em um lance de ataque do Golden State Warriors. No lance, o árbitro marcou falta de Howard. Após o ocorrido, o pivô dos Lakers foi tirar satisfação com Lee. Depois do jogo, Howard ainda falava do lance:

"Eu vou me lembrar deste jogo. Vou me lembrar deste lance. Ele disse que não queria me acertar, mas você pode assistir à jogada e tirar suas próprias conclusões. Vou cuidar disso mais tarde"

Sinceramente, eu achei que não foi para tudo isso. Lee usou o braço para se defender de uma possível marcação forte de Howard e usou os braços para atacar a cesta. O problema foi aonde acertou. Não caracterizo como uma agressão ou maldade do ala-pivô dos Warriors. E o pior de tudo foi essa declaração de Howard, parecendo uma criança bravinha prometendo vingança ao amigo que não deu um biscoito no recreio da escola.

Dia  12 de abril, essas duas equipes voltam a se encontrar. Se cumprir o que está falando, Howard deve aprontar alguma para o adversário. Já pensou se o Lakers estiver em uma enrascada e estiver fora dos playoffs? Howard vai chutar o balde, sem dúvidas. Mas sou otimista e acredito que tudo será resolvido. Mas pelo amor de Deus, vingança? Já diria um poeta mexicano chamado Seu Madruga: a vingança nunca é plena, mata a alma e envenena

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!