Acompanhe aqui:

16 de março de 2013

A temporada poderia ter sido bem melhor...


Sabe quando você está naquele momento da madrugada que não há nada para fazer e você está naquele tédio? Pois bem, assim que eu descrevo o meu momento. Sem nada para fazer, resolvi pesquisar números e informações da NBA. Quando caiu a ficha, eu estava vendo números do Washington Wizards (!!)

Em poucos minutos, deu para ver porque a equipe está com essa campanha horrível. E olhando os últimos confrontos, fica aquele gostinho de "poderia ter sido diferente". É difícil de acreditar, mas é a pura verdade.

Como é sabido, o Washington Wizards começou com a pior campanha da temporada. Foram mais de 10 derrotas até que a equipe chegasse ao seu principal triunfo. Mas também é sabido que esse mesmo time começou bem desfalcado por lesões: começou sem John Wall e Nenê Hilário. E se você analisar, as lesões afundaram quase todo o elenco dos Wizards.

Fui olhar o perfil de cada atleta desse elenco (os principais) e a maioria perdeu no mínimo 20 jogos de temporada regular. O jogador que mais atuou foi Emeka Okafor, que perdeu apenas um jogo. A franquia jogou 64 jogos até o momento, com a maioria de seus jogadores atuando de 35 a 40 jogos. É MUITA coisa. Explicado o motivo porque essa equipe perdeu tantos jogos logo no início e teve sua temporada prejudicada. No entanto, Nenê e Wall melhoraram, as lesões ficaram um pouco de lado e o time subiu de produção.

Os comandados de Randy Wittman venceram o Miami Heat, Oklahoma City Thunder, Atlanta Hawks, Denver Nuggets, Chicago Bulls, Los Angeles Clippers, New York Knicks, Brookly Nets, Milwaukee Bucks (esses últimos 4 foram vitórias SEGUIDAS) e Houston Rockets. 

Para aprofundar ainda mais, nos útimos 31 jogos, os Wizards venceram 17 (54% de aproveitamento). Nos últimos 20 jogos, venceram 10 (50%) e nos últimos 10 jogos venceram 5 (50%). É uma campanha muito equilibrada e regular nessa parte final da temporada. É campanha de time que vai para os playoffs (conferência leste). É uma equipe que conta com os jovens John Wall e Bradley Beal, com a ajuda de Emeka Okafor e Nenê, e contam com peças interessantes que estão fazendo a organização ter um fim de temporada bem digno. Mas poderia ter sido bem melhor...

1 comentários :

Poderia até falar que aconteceu algo parecido com o time de Cleveland, que praticamente não esteve com o elenco completo durante toda a temporada!

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!