Acompanhe aqui:

9 de janeiro de 2013

Uma das maiores confusões da história da NBA


Foi uma das piores brigas já existentes na história da NBA. No dia 19 de novembro de 2004, Detroit Pistons e Indiana Pacers deveriam fazer apenas um jogo simples. E estava sendo uma simples partida até que faltando menos de um minuto para terminar a partida, Ben Wallace girou sobre seu marcador e fez a cesta, no entanto, recebendo uma falta dura de Ron Artest - hoje Metta World Peace. Não gostando daquilo, Wallace foi para cima de Artest e ali começava a primeira confusão da noite.

Artest, que hoje leva o nome de Paz Mundial, foi para o banco ser atendido e recebeu uma garrafada de um torcedor do Pistons. Rapidamente reconhecendo o torcedor, Artest foi para cima e o agrediu. Alguns separaram, mas aí chegou Stephen Jackson e deu um soco em outro torcedor. Briga generalizada. Titulares, jogadores do banco, comissão técnica e torcida: todos na briga. Parecia uma luta do UFC.

Jermaine O'Neal acertou em cheio um soco em um profissional que trabalhava no dia da partida. O tempo passava e nada de parar, pelo contrário, a confusão só aumentava. Na saída da quadra, Artest foi protegido pelo pessoal do Pacers. Saiu sendo xingado, alguns jogavam coisas, mas nada demais. Quando foi a vez de O'Neal, que após o soco, saiu xingando tudo e todos, enfureceu ainda mais os torcedores. Água, cerveja, pipoca, etc... foram jogadas no pivô.

Sem dúvida nenhuma, uma das piores confusões já existentes na NBA. Só que não termina por aí...



Dois dias depois o comissário da NBA, David Stern, convocou o pessoal da imprensa e anunciou a punição para os briguentos. Como esperado, a liga não deixou quieto o episódio e foi severa na punição dos atletas.

Logo de cara, Artest é suspenso pelo restante da temporada. Stephen Jackson punido com 30 jogos, Jermaine O'Neal com 25 jogos, Anthony Johnson por 5 jogos e Reaggie Miller por 1 jogo. Do lado dos Pistons, Ben Wallace foi punido por 5 jogos e jogadores do banco tomaram a punição de 1 jogo por complicar as coisas.

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!