Acompanhe aqui:

9 de dezembro de 2012

Uma grata surpresa

Ainda é cedo para comentar sobre equipes que vão para os playoffs e que vão brigar pra isso ou por aquilo. Mas já podemos comentar sobre o início de alguns times. Quando o assunto é sobre o belíssimo início do Memphis Grizzlies, me perguntam: "é uma surpresa?" É, mas ao mesmo tempo não é.

O time vem se preparando há muito tempo. Isso vem desde a saída de Pau Gasol. Hoje Memphis colhe seus frutos plantados alguns anos atrás: uma equipe jovem com jogadores completos. Mas estar brigando pela liderança do oeste pode ser considerado surpresa.

Mas a grata surpresa é localizada na Califórnia. O Golden State Warriors com sua campanha de 13 vitórias e 7 derrotas é a grande surpresa da temporada. É uma equipe sem estrelas, mas com jogadores dedicados. Desde a saída de Monta Ellis eu pensei que era o fim. Agora, analisando calmamente, pode-se dizer que foi a saída de Ellis que fez a equipe decolar.

O caso de Monta Ellis é parecido com o de Amar'e Stoudemire. Quando Amar'e joga o New York Knicks é um time. Sem ele, é outro. Ele jogando faz o time parar, centralizar ele e torcer para que suas bolas caiam. Sem ele é um time solto, que é leve e vence suas partidas. Os próprios números apontam campanha melhor de New York sem Stoudemire. No Warriors a coisa era assim. Um Monta Ellis que chutava tudo, fazia seus 30 pontos mas Golden State perdia. Agora a franquia californiana tem um armador consciente do que faz (Stephen Curry), um pivô que vem se mostrando dominante (David Lee) e jovens que estão dando conta do recado (Klay Thompson e Harrison Barnes). Além disso, o banco com Carl Landry e Jarett Jack, não deixa o ritmo cair. O crescimento também tem nome: Mark Jackson. O treinador deu outra cara para o time.

Confesso que sou daqueles que sempre torcem pros "pequenos". Gosto de ver equipes que tiveram campanhas negativas nos anos anteriores, vencendo e mudando a rotina na NBA. Vocês concordam que a NBA fica menos chata ao ver um Grizzlies lá em cima, um Warriors vencendo bastante jogos, um Lakers turbulento, um Wizards batendo o Heat, enfim, exemplos não faltam. E antes de me despedir desse post, eu garanto uma coisa: Warriors vai brigar pelos playoffs até o último instante, sim senhor!

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!