Acompanhe aqui:

2 de dezembro de 2012

Um brasileiro no jogo das estrelas


No dia 17 de fevereiro em Houston, acontece o All-Star Game. É o momento dos jogadores brincarem, tirarem uma folga da dura série de jogos e se aproximarem mais dos fãs. É sempre legal acompanhar. Mas nada é perfeito nesse mundo. O que me incomoda é saber que nunca um brasileiro participou do jogo.

Por mais que tenhamos um bom número de brasileiros atuando na liga americana, nunca tivemos um brasileiro All-Star. Nos últimos anos, Nenê foi o que mais chegou perto, mas acabou não sendo convocado. Primeiro acontece com uma votação onde os fãs escolhem os titulares. Escolhido os titulares, cabe aos treinadores escolherem os reservas.

Em 2012/2013, temos um Leandrinho esquecido e com poucos minutos em Boston. Um Nenê afundando com o péssimo Washington Wizards. Tiago Splitter começa aparecer bem, mas ainda é muito cedo para pensar no All-Star. Scott Machado e Fab Melo estão chegando agora. Resta uma esperança: Anderson Varejão.  

Querido por todos em Cleveland, Anderson Varejão vem sendo o líder do time de Ohio. Seus números nessa temporada estão chamando a atenção dos torcedores, analistas, técnicos, pessoal que vende lanches nos ginásios, enfim... podemos depositar esperanças em Varejão.

As chances aumentam já que Dwight Howard, ex-Magic, se mandou pro lado oeste, abrindo vaga para os pivôs do leste. Acredito que por votação seja bem difícil, mas acho que o técnico que for escolhido para comandar o leste lembrará de Anderson.

Eu gostaria de ver a torcida brasileira se empenhando e votando no site da NBA (basta ter um cadastro no site). Na China os torcedores votavam em peso em Yao Ming (mesmo quando esteve lesionado e sem chances de atuar no jogo). O Brasil é um país gigante, mas poucas pessoas acompanham a NBA. Mas quem sabe esse seja diferente...

E aí, acredita no Varejão atuando no jogo das estrelas? A torcida é grande!

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!