Acompanhe aqui:

3 de novembro de 2012

Surge um novo candidato ao MVP


Foram apenas dois jogos, mas James Harden já começa virar ídolo em Houston. Nos seus dois primeiros jogos com a camisa da franquia texana, o barba do capeta anotou 83 pontos. Tem a melhor média de pontos disparado e se credencia a brigar pelo prêmio de MVP, dado ao fim da temporada regular.

Ele tem toda pinta de MVP. Não digo que ele vai ganhar, porém caso continue nesse ritmo e seja o jogador mais valioso, seria o nome ideal. MVP não é o melhor jogador, e sim o mais valioso, aquele que se sair do time a coisa desanda. Experimenta tirar ele do time nesses dois jogos onde anotou 38 e 45 pontos, respectivamente.  Seria derrota na certa por se tratar de placares apertados.

E sigo batendo na tecla: o barbudo cansou de jogar bem e ser só lembrado como "sexto homem" em Oklahoma. Ele quer ser o protagonista, quer os holofotes perto dele, quer ver todos comentando sobre suas proezas. Em dois jogos ele vem sentindo esse gostinho. No momento não se fala em outra coisa, é James Harden pra lá, é James Harden pra cá. Afinal, merecido. Na estreia era um adversário fraco, o Detroit Pistons. Mas hoje, fora de casa contra uma equipe que brigará fortemente pelos playoffs e que virou o placar na reta final da partida, Harden mostrou sua caixa de ferramentas. Ao lado de Jeremy Lin e Omer Asik, tentará levar os Rockets as glórias.


0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!