Acompanhe aqui:

21 de julho de 2011

Os salários mais supervalorizados da NBA: Bulls e Cavs

Com a NBA enfrentando o que provavelmente será um locaute prolongado, vamos relatar o que pode ter causado isso. Grandes salários para os jogadores, fizeram a NBA ter prejuízo. Só os jogadores lucraram enquanto a liga e os times ficaram no vermelho.

No momento, sem acerto e sem o novo acordo coletivo, os salários inchados e gordos de alguns jogadores é uma das questões mais gritantes. Tem jogadores recendo salários extremamente altos e sendo um peso para seus times O jogador realmente merece ganhar o tal salário?

Vendo isso, começa uma série aqui no Paixão NBA onde vamos mostrar alguns dos maiores culpados, os jogadores com "excesso" em cada time da NBA.

Chicago Bulls: Luol Deng


Após ter sido liderado pelo MVP Derrick Rose na última temporada, o Chicago Bulls se viu indo embora dos playoffs mais cedo do que imaginava.

E mais, durante sua eliminação algumas falhas do time ficaram muito evidentes – a carência de shooting guard e a falta de alguém para ajudar Rose na pontuação.

Esses erros seriam fáceis de corrigir durante o mercado dos agentes livres, mas nesse ponto, o Bulls não tem flexibilidade financeira para isso.

A razão principal é Luol Deng e seus gordos 12 milhões que receberá na próxima temporada.
Com certeza ele é um jogador sólido, mas não há como discutir que seu contrato é supervalorizado.

Cleveland Cavaliers: Baron Davis e Antawn Jamison


Por um lado, a experiência trazida por Baron Davis e Antawn Jamison vem sendo muito boa para o time do Cavs.

Entretando, ambos All-Stars estão longe daquilo que um dia foram, e ainda passaram – e estão passando – por muitas lesões.

Consequentemente, os 15 e 13,9 milhões que Jamison e Davis recebem respectivamente, são valores muito altos.

Mas vendo que o pensamento do Cleveland atualmente é remontar e não se preocupar muito com o sucesso imediado, eles podem ficar tranquilos que o time terá muito espaço no teto salarial quando esses dois contratos acabarem.

Matheus e Sérgio Júnior

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!