Acompanhe aqui:

8 de junho de 2011

Coadjuvantes aparecem e Dallas empata a série final


Pelo terceiro jogo consecutivo, Miami Heat e Dallas Mavericks é decidido nos últimos segundos. Dessa vez, mais preciso, o Mavs vence a partida, empata a série final e deixa as coisas quentes para o jogo 5, na quinta-feira.

O jogo começou com o alemão Dirk Nowitzki dando as cartas e anotando os seis primeiros pontos. O Heat, com Chris Bosh, logo se recuperou e empatou. A partir dali, o equilíbrio tomou conta. O time da Flórida vinha fazendo que vem sendo normal nessa série: abrir uma boa vantagem. O problema era que o Mavs não demorava para reagir e logo buscava a diferença no placar.

No último quarto, a vantagem do Heat era de 9 pontos (74-65), porém, comandados por Dirk Nowitzki, gripado, o time texano anulou as peças importantes de Miami, virou e venceu.

Escolhido o melhor jogador da partida, Nowitzki marcou 21 pontos e pegou 11 rebotes. Jason Terry auxiliou com 17 pontos, Shawn Marion com 16 e Tyson Chandler com 13 pontos. Mas Chandler não se destacou apenas na pontuação, foi um monstro na defesa com seus 9 rebotes ofensivos e 7 defensivos.

Dwyane Wade terminou como cestinha ao marcar 32 pontos. Mais ligado e mais ativo no jogo, Chris Bosh anotou 24 pontos. A má notícia para a torcida do Heat é que desde o jogo 1, LeBron James não vem jogando o esperado. Hoje teve sua pior partida em anos em uma pós-temporada. Preocupado em servir os companheiros, James marcou míseros 8 pontos.

Com o triunfo, já temos a certeza que a série volta para South Beach. A única pergunta a ser feita nesse momento é: o que está acontecendo com LeBron James? Ele pode se defender ao dizer que suas assistências e sua ajuda defensiva são importantes para o time, o que é verdade. Mas o que a gente espera do cara que tem o apelido de "The King"? Pontos, pontos e mais pontos, além das jogadas improváveis. Ele sumiu. Enquanto Wade e Bosh tentam botar o Heat no jogo, LeBron vem tentando poucos arremessos.

Já no time de Dallas, o pessoal do suporte apareceu. Todos os principais coadjuvantes tiveram partida acima da média. Assim, os 21 pontos de Dirk foram necessários para a vitória. Após a derrota de terça, foi levantada essa questão do pessoal não estar ajudando o alemão. Hoje ajudaram. E como ajudaram...

Como falei na introdução do texto, o jogo 5 é em Dallas e é decisivo. Ou o Mavs vence, vai para Miami perto do título e colocando pressão no Heat, ou o time de South Beach vence e tem a chance de logo no domingo comemorar o título na American Airlines Arena, diante de sua torcida. E você, aposta em quem?

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!