Acompanhe aqui:

12 de junho de 2011

Cheio de ganancia, Warriors fará de tudo para voltar a lutar por títulos

West chega na hora certa

Todo ano é a mesma história, todos esperam o grande duelo entre Warriors e Suns, um jogo de puro ataque e pouca defesa, divertido e empolgante, mas que em contramão não é algo que dê muitos títulos. Bom exemplo é o próprio Suns que passava por cima de todo mundo durante a temporada com Nash, Stoudemire, Marion, Leandrinho e toda a correria, e quando chegava nos playoffs acabava sucumbindo para times mais cadenciados e com uma defesa sólida. O Warriors nos últimos anos fazia algo igual, mas em menor qualidade e parece que cansaram disso e estão prontos para dar o passo atrás que pode valer dois na frente, trocar Ellis.

Monta Ellis é um dos jogadores mais impressionantes da liga, ele tem uma velocidade incrível, dribla muito bem e pode encestar de qualquer lugar da quadra e ainda teve uma média de mais de dois roubos por jogo nas duas últimas temporadas, mas isso não basta, nos seis anos como um Warrior, o time ganhou 215 vezes e perdeu 277 vezes e apenas uma participação nos playoffs, tudo bem que foi algo épico e sensacional e ajudou na fama de amarelão do Dirk, mas foi muito pouco pra um time bicampeão da NBA. Para completar, Ellis não se dá muito bem com outro jogador da equipe, David Lee, e também pode contar para essa troca do jogador. E se Ellis não é o que o Warriors precisa no momento, ele pode encontrar espaço em muitos times da liga e o time de San Francisco já está em busca desse time.

O Chicago Bulls chegou a procurar Ellis nos últimos anos e é um possível caminho, mas talvez não seja tão interessante para o Bulls hoje. Ellis e Rose fariam uma backcourt sensacional e bonita, mas para isso acontecer teriam que abrir mão de Luol Deng, que hoje é um cara chave na defesa do Chicago e é vital. O time se mostrou que não é tudo aquilo nos playoffs? Sim, mas não é culpa do Deng e com Ellis só vejo esses problemas aumentando, se Rose foi um show de chutes forçados, com Monta isso seria mais absurdo ainda, fora que Ellis já é uma máquina de turnorver. Para o Golden State, Luol Deng entraria muito bem no time e seria uma boa chave ofensiva e defensiva, porém tiraria espaço de Dorell Wright que mostrou um bom potencial nessa temporada. Essa troca teria um apoio de Monta Ellis que mostrou interesse em continuar no time, porém aceitaria ir para um “contender”.

Os Warriors também busca outros dois nomes que estão em baixa, Andre Iguodala e Rudy Gay. Iguodala foi o grande nome do 76ers na temporada, porém nos playoffs acabou deixando a desejar com apenas 11 pontos de média, que mesmo justificando com a marcação de LeBron é muito pouco. Rudy Gay se machucou na reta final da temporada e perdeu os playoffs, e o Grizzlies conseguiu fazer a façanha de eliminar o Spurs logo na primeira rodada, com uma defesa incrível da dupla Tony Allen e Shane Battier e com Zach Randolph sendo “o cara” do time, nem parecia um time sem seu principal jogador.
Outros times que poderiam ser destino do armador seria Lakers e Nuggets. Com a falta de shooting guards, a especulação de uma sign-and-trade do Nenê para o Warriors em troca do armador surgiu, porém o Denver acabou revelando que não tem interesse em sign-and-trade com Nenê, o objetivo é manter o pivô brasileiro até o fim de sua carreira. O Lakers iniciando uma nova era sob o comando de Mike Brown também apareceu, mas seria impossível para ele coexistir com Kobe, e também não iria bem para o Lakers trocar Bynum.

A busca é muito válida para o Warriors que vem colecionando fracasso atrás de fracasso há mais de 30 anos. Talvez Rudy Gay seria uma boa resposta ao time para um time com Curry, Gay, Wright, Lee e um pivô. Também cairia muito bem esse “cinco” no time, já que Biedrins não é um jogador muito confiável. Talvez seja o objetivo do time para essa 11ª escolha desse draft achar esse pivô para o time.

Sérgio Júnior

2 comentários :

não entendi a foto e legenda : Jerry West chega em boa hora ! PQ vcs botaram isso ?!?

Jerry West é o novo gerente da equipe.

Aonde passou, West obteve sucesso.

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!