Acompanhe aqui:

7 de maio de 2011

Nowitzki esmaga Pau Gasol e Dallas abre 3 a 0 na série


O Dallas Mavericks está muito perto de disputar as finais da conferência oeste da NBA. Após ir à Los Angeles e vencer os dois jogos, os Mavs, liderados pelo alemão Dirk Nowitzki teve calma nos momentos decisivos, não errou e venceu a terceira partida na série. Agora só falta 1 jogo para varrer os Lakers e esperar Memphis Grizzlies ou Oklahoma City Thunder.

O destaque dos confrontos, sem dúvidas é o Dirk. O alemão com média de mais de 27 pontos nos playoffs, teve excelente atuação e foi fundamental na vitória da franquia texana. Ontem ele anotou 32 pontos e pegou 9 rebotes. Jason Terry e Peja Stojakovic cresceram no final e, suas bolas de três foram essenciais. Terry marcou 23 pontos, e Peja, 15. O curioso foi ver o sérvio com dois airballs no início da partida.

Sempre criticado por suas lesões, não podemos esquecer das boas partidas que o Andrew Bynum vem fazendo. É, na minha opinião, o jogador mais regular dos Lakers nesses 3 confrontos. Bynum chegou a mais um duplo-duplo: 21 pontos e 10 rebotes. Kobe começou acertando todos os arremessos que tentou, apesar de poucos. No final, faltou aquelas suas bolas incríveis, chutes no estouro do relógio que caíam. Um dos lances que vai repercutir foi seu "passe" nas costas de Pau Gasol. Por falar no espanhol, ele segue irreconhecível. O técnico Phil Jackson a lhe dar dois tapas no peito. Imagina só a fúria do Phil... Kobe foi responsável por 17 pontos, enquanto Gasol marcou 12.


E agora, amigos do blog? O Lakers seria capaz de reverter esse 3x0 e entrar para história? Por que entrar para história? Nunca na NBA um time conseguiu reverter um 3x0.

Dallas ainda lembra demais daquelas finais de 2006. Perder aquele título para o Miami Heat ainda atormenta muita gente. A melhor coisa para esquecer aquele ano é conquistando um título. Com o alemão alucinado, um banco ajudando demais, uma torcida enlouquecida, Dallas pode chegar lá.

O jogo 4 está marcado para a tarde do domingo. Vale a pena acompanhar.

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!