Acompanhe aqui:

31 de maio de 2011

Jogadores do Dallas Mavericks querem vencer e dedicar o título a Caron Butler


O Dallas Mavericks, caso conquiste o título da NBA em 2011, vai dedicar a Caron Butler, lesionado desde o início do ano.

"Todos nós dissemos quando os playoffs começaram que queríamos fazer isso para ele", disse o armador Jason Terry. "E se você perguntar a ele, eu sou um dos caras que lhe disse: 'Ei, nós estamos fazendo isso para você neste momento, grande garoto". Eu disse que faria isso e ele está aqui agora."

O jogador vinha sendo peça fundamental antes de sua lesão, e seria importante para Dallas nas finais. Nos dois jogos da temporada regular contra o Heat, teve média de 18,0 pontos em 54,2% de aproveitamento nos arremessos de quadra, além de ajudar a limitar LeBron James para míseros 30% de aproveitamento nos chutes.

O problema foi que Butler rompeu o tendão patelar do joelho direito na frente da numerosa família e amigos em Milwaukee logo no primeiro dia de 2011. O nativo de Racine, Wisconsin, foi submetido à cirurgia. Sua previsão de volta é na próxima temporada, porém já se falou que ele poderia voltar já nesses playoffs, vetado pelo técnico Rick Carlisle.

Foi feito um cronograma para Butler, e Carlisle admite que o jogador está bem à frente desse cronograma, mas teme arriscar colocar Caron em quadra e agravar sua lesão. O treinador vem sendo bem cauteloso.

"Sua volta se aproxima todos os dias. Realmente, eu não quero fechar a porta, ele nunca é um cara que você quer apostar contra", disse Carlisle. "É apenas um daqueles caras especiais. Ele se recuperou um mês e meio, dois meses antes do prazo de reabilitação normal para um ser humano normal.”

Um retorno de Butler poderia ser um elevador emocional para os Mavs semelhante o que vem acontecendo em Miami com a volta de Udonis Haslem. O ala-pivô, em seu oitavo ano com o Heat, jogou os primeiros 13 jogos da temporada regular antes de uma lesão no pé que afastou até as semi-finais de conferência, quando retornou contra o Boston Celtics.

Agente livre ao fim dessa temporada, Caron viu duas de suas ex-equipes, o Heat e o Los Angeles Lakers, ganhar campeonatos depois que ele partiu. Seus companheiros de equipe atual sabem que podem usar o que Butler - há muito tempo ganhou o apelido de "Tuff Juice" – traz: grande jogo físico. No time adversário, isso tem de sobra, principalmente com LeBron e Wade.

Obviamente que sua falta será sentida, ele seria importante nessa final (como foi na temporada regular), porém, faz tempo que Dallas não conta com Butler e, com certeza, aprendeu a jogar sem o ala. Mas é, de fato, muito bacana essa atitude dos jogadores lembrarem seguidamente o jogador lesionado. Acompanho ativamente sites americanos e não é de hoje que o pessoal do Texas tem esse carinho com Butler. A torcida dele será imensa, não tenho dúvidas.

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!