Acompanhe aqui:

24 de janeiro de 2011

Com show de Carmelo Anthony, Denver vence sem problemas o Indiana Pacers:


Carmelo Anthony não deu razões para a sua torcida vaiar nesta noite marcando 36 pontos na vitória do Denver Nuggets de 121 a 107 sobre o Indiana Pacers, que encara sua quinta derrota seguida.

Anthony foi bastante vaiado e criticado durante a última semana, quando as conversas de sua troca começaram a esquentar, mas hoje a torcida de Denver foi só paz e amor, especialmente quando Anthony acertava bolas de três de todos os lugares da quadra e fazendo um show de 23 pontos no 3º quarto.

Melo comentou as vaias e disse que a reação da torcida na noite desse domingo, o motivou:

"Foi constrangedor". "Não só para mim, mas para a equipe. Então, é claro, que me motivou esta noite., disse Carmelo"

As 6 bolas de 3 pontos que marcaram o recorde pessoal de Melo, vieram no 3º quardo quando o Nuggets transformou um jogo diíficil em uma partida tranquila. O quarto contrastou com a primeira partida das equipes na temporada, onde o Pacers acertou seus primeiros 20 chutes naquele terceiro quarto, selando uma
vitória de 144 a 133 em Indianápolis

O brasileiro Nenê teve boa atuação, marcando um double-double: 15 pontos e 10 rebotes. O problema foram as 5 faltas marcadas, deixando o jogador no banco de reservas um bom tempo. Com a partida controlada, o técnico George Karl colocou reservas que dificilmente entram em quadra: Gary Forbes, Anthony Carter e Shelden Williams.

Com mais uma derrota, Indiana caiu para a 10ª colocação na conferência leste. Tyler Hansbrough foi o destaque do time do Pacers com 27 pontos e 10 rebotes. Danny Granger teve atuação apagada, marcando 8 pontos e ficando somente 25 minutos em quadra.

P.S: Karl é torcedor do Pittsburgh Steelers. Seu parceiro de vida, Kim Van Deraa é torcedor do Green Bay Packers. Ambos times estão na final do futebol americano, o Super Bowl. Como será as coisas em Denver agora? A final da NFL é daqui duas semanas.

0 comentários :

Postar um comentário

Manda a sua mensagem, solta o verbo, fã da NBA!