Acompanhe aqui:

6 de fevereiro de 2016

Número de Hacks cresce e NBA planeja mudanças na regra


Uma discussão que vem aparecendo de forma constante nos últimos meses é de como vem crescendo o número de Hack-a-Fulano nas partidas da NBA. Para quem não sabe, é uma ferramenta que as equipes estão achando para neutralizar os ataques adversários. A tática é simples: forçar faltas de propósito em jogadores com péssimo aproveitamento nos lances livres. Assim, eles efetuam as cobranças e, geralmente, desperdiçam pelo menos uma cobrança. Após isso, a bola volta mais rápido ao ataque do adversário. E o jogo fica nesse panorama. A tática cresceu tanto que até o comissário Adam Silver precisou disparar algumas palavras.

Os principais alvos dos técnicos são os pivôs Dwight Howard e DeAndre Jordan. Recentemente Andre Drummond vem sendo o "felizardo" das faltas propositais. O Hack não tem um nome espefícico. Ele ficou famoso como "Hack-A-Shaq". Na época, era uma estratégia do técnico Don Nelson parar as posses do time adversário. Tudo começou com um plano de jogo contra o Chicago Bulls, onde o alvo era Dennis Rodman. A tática não deu o retorno esperado, em contrapartida obtendo sucesso contra Shaquille O'Neal, que ficou marcado por isso. Hoje em dia o Hack ganha nome dependendo o jogador escolhido, por exemplo "Hack-A-Howard".

Para vocês terem uma noção, na temporada 2014/2015 tivemos um total de 164 hacks. Já na atual season, que acabou de adentrar fevereiro, já temos 300 (!!). É um plano que vem crescendo muito e vem virando algo rotineiro nas pranchetas dos coachs. É um número que está tirando o sono de Silver, que já se posicionou contra. O PN pegou alguns trechos de suas declarações:

"Cada vez mais sou da opinião de que vamos fazer algum tipo de mudança em quadra nesta regra durante o próximo verão. Não é a maneira em que queremos ver como se joga basquete. Não é um movimento natural de basquete. É algo que, em minha opinião, necessitamos abordar rapidamente porque ultimamente não há nada mais importante que a saúde a segurança de nossos jogadores. Creio que pode haver um acidente com jogadores saltando sobre os ombros dos outros para que os árbitros apitem a falta".

Eu sou um grande fã do Silver. Pegou muitos pepinos desde que assumiu a NBA, no entanto acho que coibir o Hack, por mais feio que seja, é um erro. É como punir a vítima e deixar o ladrão solto. Desculpem entrar nessa analogia, mas é isso. Acabar com essa tática é ajudar os caras que ganham milhões e não conseguem converter mais que 50% dos lances livres. Se eles sabem que são péssimos nesse fundamento, por que não treinam? O Howard e o DeAndre sofrem com isso há anos e o que fazem pra mudar? NADA. Aceitam. Viram motivos de piadas. Sou totalmente contra qualquer tipo de alteração.




5 de fevereiro de 2016

Se não sofresse com lesões, Wade se coloca ao lado de James e Jordan


Já são anos e anos na NBA. Dwyane Wade não precisa provar mais nada a ninguém. Está consagrado. O que vier agora para o astro de 34 anos é lucro. Sua entrada ao Hall da Fama do basquete será questão de tempo. A única pulga que fica atrás da orelha é: se as lesões não o tivessem prejudicado tanto, aonde o rapaz chegaria? 

Ao longo das temporadas, o camisa 3 do Miami Heat perdeu 187 partidas por conta de algum problema físico, do mais leve ao mais grave. E não é só isso que o prejudicou. As seguidas contusões no joelho, recorrentes em sua carreira, reduziram sua capacidade em quadra. Sua inteligência segue a mesma, no entanto às vezes, em determinados momentos do duelo, nota-se um jogador se preservando ao máximo para não "estourar".

"Se eu não tivesse tido tantas lesões e permanecido saudável, provavelmente minha carreira teria sido tão grande quanto a de LeBron e Jordan"

Em uma carreira de mais de 800 jogos em regular season e médias gerais de 23.8 pontos, 5.8 assistências e 4.9 rebotes, além de excelente aproveitamento nos arremessos de quadra (48,8%), o menino Wade tem razão em questionar a sua condição em uma carreira livre de problemas graves. Se seria igual a James e Mike eu não sei, apenas que seria mais brilhante, isso sim.


1 de fevereiro de 2016

O mês de fevereiro chegou! Semana 15 na TV brasileira


01/02/2016 - Segunda-Feira - Washington Wizards @ Oklahoma City Thunder - 23h - Sportv
02/02/2016 - Terça-Feira - Miami Heat @ Houston Rockes - 23h - Sportv
03/02/2016 - Quarta-Feira - Golden State Warriors @ Washington Wizards - 23h - ESPN
06/02/2016 - De sexta para sábado - San Antonio Spurs @ Dallas Mavericks - 00h30 - ESPN
07/02/2016 - De sábado para domingo - Oklahoma City Thunder @ Golden State Warriors - 00h - Sportv


27 de janeiro de 2016

Ei novato, sente no chão


A vida de um novato na NBA não é fácil. Larry Nance Jr. que o diga. A coisa fica pior ainda quando você entra em uma equipe que não vai nada bem e onde seus minutos sejam bem limitados. Embora seja um atleta esforçado que busca evolução a cada partida, Nance Jr. sente na pele como um rookie é tratado em seus primeiros movimentos na liga.

Kobe Bryant ficou de fora da partida contra o Dallas Mavericks e apareceu na beira da quadra quando restavam menos de cinco minutos para o término do 1Q. Tirando o Mamba, os californianos não tinham jogadores inativos. Todos estavam a disposição do técnico Byron Scott. O banco estava lotado. Com um simples olhar e um pequeno gesto, Kobe pediu para o garoto dar o lugar e sentar no chão. O pedido foi prontamente atendido.

O filho de Larry Nance, que foi All-Star nos anos 80, não ganhará um campeonato ao lado de Kobe. Nem perto disso. Essa parceria de 1 ano, em termos de resultados, não será muito recordada, mas o que fica de bom são as histórias engraçadas. Larry é jovem, tem 23 anos. Ainda vai buscar seu espaço na NBA e, talvez, um dia mandar um novato sentar no chão. A vida nem sempre é justa, amigos.



Siga o Paixão NBA no Twitter

A média de público e a taxa de ocupação nas arenas da NBA


Quantas pessoas uma equipe leva à arena? E com esse público, o ginásio lota? Como fica a média? Todas as perguntas o Paixão NBA pretende responder agora. Essa curiosidade surgiu quando o Denver Broncos se classificou para as finais de conferência na NFL e, no mesmo dia, o Denver Nuggets atuava em casa e levava apenas 11 mil pessoas ao Pepsi Center (menos de 60% da ocupação do ginásio). Fui verificar e a franquia do Colorado tem a pior média e a menor taxa de ocupação em 2015/2016. Já que pesquisei de um, por que não verificar dos outros 29 times?

O Chicago Bulls lidera a média de torcedores desde 2010. A chegada de Derrick Rose, um elenco de maior qualidade e a esperança de ver a cor do sétimo campeonato alimentam essa fanática torcida. 22 das 30 equipes levam pelo menos 17 mil fãs em suas arenas, um belo número diga-se de passagem. Alguns mandantes vendem ingressos em setores para o público acompanhar em pé, por isso em alguns casos temos uma taxa acima dos 100% (todos os assentos preenchidos + a galera de pé).

Eu diria até que a média nem é tão importante assim. O Oklahoma City Thunder, por exemplo, tem capacidade para "apenas" 18 mil torcedores. Na média, só aparece em 14º. No entanto prevalece a taxa de 100%, partidas sempre com casa cheia.  Outro ponto importante: o momento que as franquias vivem reflete muito na quantidade de pessoas que assistem o duelo in loco.

E para completar, além de fornecer os números dos mandantes, acrescentei as médias de quando eles são visitantes. É simplesmente a média de público de quando determinada franquia joga fora de casa. Com todo mundo querendo assistir Kobe Bryant de perto, o Los Angeles Lakers lidera. Mais de 19 mil fãs acompanham de perto quando o Black Mamba atua em sua cidade. Outro caso interessante é ver o Pelicans em 5º fora de casa: efeito Anthony Davis.

Média de Público e Taxa de Ocupação - Mandante

1. Chicago Bulls: 21755 torcedores (104%)
2. Cleveland Cavaliers: 20562 torcedores (100%)
3. Dallas Mavericks: 20116 torcedores (104.8%)
4. Toronto Raptors: 19850 torcedores (100.3%)
5. New York Knicks: 19812 torcedores (100%)
6. Miami Heat: 19717 torcedores (100.6%)
7. Golden State Warriors: 19596 torcedores (100%)
8. Portland Trail Blazers: 19293 torcedores (92.8%)
9. Utah Jazz: 19278 torcedores (96.8%)
10. Los Angeles Clippers: 19145 torcedores (100.5%)
11. Los Angeles Lakers: 18997 torcedores (99.7%)
12. San Antonio Spurs: 18431 torcedores (99.2%)
13. Boston Celtics: 18210 torcedores (97.8%)
14. Oklahoma City Thunder: 18203 (100%)
15. Houston Rockets: 17814 torcedores (98.7%)
16. Orlando Magic: 17568 torcedores (93.2%)
17. Washington Wizards: 17406 torcedores (85.8%)
18. Sacramento Kings: 17278 torcedores (99.8%)
19. Charlotte Hornets: 17259 torcedores (90.5%)
20. Phoenix Suns: 17217 torcedores (93.5%)
21. Memphis Grizzlies: 17056 torcedores (94.1%)
22. New Orleans Pelicans: 16649 torcedores (96.9%)
23. Indiana Pacers: 16596 torcedores (91.4%)
24. Atlanta Hawks: 16495 torcedores (88.1%)
25. Detroit Pistons: 16067 torcedores (72.8%)
26. Milwaukee Bucks: 15062 torcedores (80.5%)
27. Brooklyn Nets: 15010 torcedores (82.9%)
28. Philadelphia 76ers: 14794 torcedores (72.8%)
29. Minnesota Timberwolves: 14229 torcedores (73.5)
30. Denver Nuggets: 13883 torcedores (72.5%)

Média de Público e Taxa de Ocupação - Visitante

1. Los Angeles Lakers: 19119 fãs (99.5%)
2. Golden State Warriors: 18945 fãs (99.7%)
3. Cleveland Cavaliers: 18858 fãs (97.5%)
4. New York Knicks: 18683 fãs (97.2%)
5. New Orleans Pelicans: 18544 fãs (96.5%)
6. Oklahoma City Thunder: 18492 fãs (95.8%)
7. Washington Wizards: 18169 fãs (95.1%)
8. Charlotte Hornets: 18003 fãs (94.5%)
9. Chicago Bulls: 17942 fãs (91.8%)
10. Brooklyn Nets: 17909 fãs (93.7%)
11. Los Angeles Clippers: 17901 fãs (92.3%)
12. Philadelphia 76ers: 17726 fãs (93%)
13. Memphis Grizzlies: 17721 fãs (91.3%)
14. Indiana Pacers: 17701 fãs (90.8%)
15. Miami Heat: 17638 fãs (91.1%)
16. Dallas Mavericks: 17607 fãs (93.6%)
17. San Antonio Spurs: 17587 fãs (91.7%)
18. Milwaukee Bucks: 17557 fãs (91.1%)
19. Toronto Raptors: 17480 fãs (90.7%)
20. Phoenix Suns: 17464 fãs (91.4%)
21. Denver Nuggets: 17437 fãs (91.5%)
22. Utah Jazz: 17380 fãs (90.6%)
23. Sacramento Kings: 17373 fãs (91.2%)
24. Houston Rockets: 17330 fãs (91.9%)
25. Minnesota Timberwolves: 17257 fãs (90.6%)
26. Detroit Pistons: 17250 fãs (91%)
27. Atlanta Hawks: 17148 fãs (90.7%)
28. Portland Trail Blazers: 17052 fãs (90%)
29. Boston Celtics: 16993 fãs (88.5%)
30. Orlando Magic: 16739 fãs (86.5%)


26 de janeiro de 2016

Bata em um funcionário da equipe e quebre a mão


Blake Griffin estava muito próximo de retornar às quadras depois de passar 14 partidas fora devido a uma lesão no quadrícipes. O Los Angeles Clippers vinha se virando sem ele (foram 11 vitórias e 3 derrotas) e seu retorno estava sendo aguardado pelo comandante Doc Rivers. Mas a sua volta vai ter que esperar mais um pouco. O ala-pivô se meteu em uma confusão durante uma briga, faturou a mão e vai desfalcar os companheiros entre 4 e 6 semanas. Um golpe duro (a notícia e o soco dele). E tem como piorar? Sempre tem. A briga foi contra um funcionário da franquia.

O pandemônio ocorreu em um restaurante em Toronto, onde o Clippers perdeu para os Raptors durante mais uma jornada como visitante. Griffin teria se desentendido com Matias Testi, gerente de equipamentos. Informações preliminares dão conta que o jogador iniciou a briga nas dependências do restaurante, Testi saiu para fora e o jogador o seguiu, disparando diversos socos. O funcionário ficou muito machucado (não era para menos) e foi enviado para casa, assim como Blake. 

Rapidamente o Clippers, através de seu proprietário Steve Ballmer, comentou o incidente. Obviamente condenou a situação e lamentou por se tratar de um dos principais jogadores, querido por milhares de fãs. Presidente e técnico, Rivers, assinou em baixo. Será aberto uma investigação e a NBA dará toda a assistência necessária para apurar cada detalhe.

Muitos fãs ainda estão sem entender o que aconteceu, pois Testi e Griffin são bons amigos. Em 2013, é possível encontrar uma foto no Instagram do jogador parabenizando o rapaz e escrevendo algumas palavras amigáveis. A ESPN apurou que os dois até já passaram férias juntos.

O raio-x apontou a fratura e os doutores já encaminharam a cirurgia para reparar a lesão no espiral do quarto metacarpo. Isso é um adeus ao All-Star Game (poderia ser selecionado como reserva), mais algumas semanas de molho e pior... ter que enfrentar o caminhão de jornalistas que vão atrás dele para buscar mais informações e até o real motivo desse descontrole. E para finalizar essa merda toda, deverá ser punido com suspensão quando as investigações do time e da NBA se encerrarem.

Hoje em dia não sou mais de postar notícias aqui no blog. Estou mais dedicado em buscar outros conteúdos para publicar no PN. Entretanto, preciso compartilhar esse ocorrido. O rapaz é descontrolado. Valentão. Briga sem pensar nas consequências. Nem quero entrar no mérito do porque essa luta rolou, mas é só vocês pesquisarem para saberem que Griffin adora uma muvuca. Já deixou os colegas 14 jogos na mão (onze vitórias são ótimas, mas veja que a tabela era muito favorável). Agora ele fica de fora pelo menos por quatro semanas. Sou um grande fã dentro das quadras, no entanto reconheço que é um animal fora dela.


O preço dos ingressos de todas as partidas - Parte 2



Seguindo em ordem alfabética, hora de dar continuidade no trabalho e mostrar os valores dos ingressos de cada equipe no restante da temporada 2015/2016. Sempre ressaltando que nem todas as franquias utilizam da mesma empresa de distribuição e venda de ingressos, portanto varia muito o preço mínimo e o preço máximo em cada arena.

Em alguns casos, a organização não libera através de TicketMaster ou TicketsNow os principais assentos do ginásio. Por exemplo, Heat e Grizzlies só liberam até o setor "x" de suas arenas. Para adquirir os principais lugares, o jeito é entrar direto no site da equipe ou comprar pacotes....

O mais bacana é poder analisar o valor mais barato para você assistir tal peleja e ver como os números se alternam dependendo de quem será o adversário naquela noite. Espero que todos estejam curtindo. Ai vai a parte 2!

Houston Rockets

vs. Washington Wizards, 30/01 - de $15 até $2000
vs. Miami Heat, 02/02 - de $16 até $2500
vs. Portland Trail Blazers, 06/02 - de $17 até $1500
vs. San Antonio Spurs, 27/02 - de $45 até $1500
vs. New Orleans Pelicans, 02/03 - de $12 até $1000
vs. Memphis Grizzlies, 14/03 - de $1899
vs. Los Angeles Clippers, 16/03 - de $22 até $7500
vs. Minnesota Timberwolves, 18/03 - de $16 até $5000
vs. Utah Jazz, 23/03 - de $12 até $1000
vs. Toronto Raptors, 25/03 - de $12 até $1900
vs. Chicago Bulls, 31/03 - de $18.08 até $1700
vs. Oklahoma City Thunder, 03/04 - de $29.70 até $1250
vs. Phoenix Suns, 07/04 - de $13.60 até $1000
vs. Los Angeles Lakers, 10/04 - de $75 até $14999
vs. Sacramento Kings, 13/04 - de $12.99 até $1000

Indiana Pacers

vs. Los Angeles Clippers, 26/01 - de $22 até $1500
vs. Atlanta Hawks, 28/01- de $7 até $1000
vs. Denver Nuggets, dia 30/01 - de $16 até $1250
vs. Cleveland Cavaliers, 01/02 - de $29 até $2000
vs. Detroit Pistons, 06/02 - de $18 até $1500
vs. Los Angeles Lakers, 08/02 - de $15 até $1500
vs. Charlotte Hornets, 10/02 - de $7 até $1000
vs. New York Knicks, 24/02 - de $18 até $1500
vs. Charlotte Hornets, 26/02 - de $18 até $1500
vs. Portland Trail Blazers, 28/02 - de $11 até $1250
vs. San Antonio Spurs, 07/03 - de $22 até $1500
vs. Boston Celtics, 15/03 - de $12 até $1000
vs. Toronto Raptors, 17/03 - de $7 até $1000
vs. Oklahoma City Thunder, 19/03 - de $26 até $1500
vs. Philadelphia 76ers, 21/03 - de $5 até $1000
vs. New Orleans Pelicans, 24/03 - de $11 até $1250
vs. Houston Rockets, 27/03 - de $17 até $1500
vs. Chicago Bulls, 29/03 - de $52 até $1500
vs. Orlando Magic, 31/03 - de $5 até $1000
vs. Cleveland Cavaliers, 06/04 - de $46 até $2000
vs. Brooklyn Nets, 10/04 - de $11 até $1250
vs. New York Knicks, 12/04 - de $36 até $1500

Los Angeles Clippers

vs. Los Angeles Lakers, 29/01 - de $99 até $6350
vs. Chicago Bulls, 31/01 - de $45 até $4856
vs. Minnesota Timberwolves, 03/02 - de $13 até $3397
vs. San Antonio Spurs, 18/02 - de $43 até $6306
vs. Golden State Warriors, 20/02 - de $147 até $8652
vs. Phoenix Suns, 22/02 - de $11 até $3658
vs. Denver Nuggets, 24/02 - de $8 até $4179
vs. Brooklyn Nets, 29/02 - de $9 até $4175
vs. Oklahoma City Thunder, 02/03 - de $32 até $3790
vs. Atlanta Hawks, 05/03 - de $14 até $3690
vs. New York Knicks, 11/03 - de $19 até $5550
vs. Cleveland Cavaliers, 13/03 - de $83 até $13519
vs. Portland Trail Blazers, 24/03 - de $10 até $5748
vs. Denver Nuggets, 27/03 - de $11 até $4703
vs. Boston Celtics, 28/03 - de $16 até $5748
vs. Washington Wizards, 03/04 - de $14 até $3369
vs. Los Angeles Lakers, 05/04 - de $84 até $13063
vs. Dallas Mavericks, 10/04 - de $15 até $10000
vs. Memphis Grizzlies, 12/04 - de $14 até $3681

Los Angeles Lakers

vs. Dallas Mavericks, 26/01 - de $46 até $1045
vs. Chicago Bulls, 28/01 - de $80 até $1150
vs. Charlotte Hornets, 31/01 - de $55 até $3000
vs. Minnesota Timberwolves, 02/02 - de $65 até $6772
vs. San Antonio Spurs, 19/02 - de $123 até $6631
vs. Memphis Grizzlies, 26/02 - de 50 até $1458
vs. Brooklyn Nets, 01/03 - de $50 até $2700
vs. Atlanta Hawks, 04/03 - de $50 até $1432
vs. Golden State Warriors, 06/03 - de $200 até $2575
vs. Orlando Magic, 08/03 - de $45 até $2000
vs. Cleveland Cavaliers, 10/03 - de $164 até $7500
vs. New York Knicks, 13/03 - de $88 até $2085
vs. Sacramento Kings, 15/03 - de $45 até $2000
vs. Phoenix Suns, 18/03 - de $55 até $1750
vs. Memphis Grizzlies, 22/03 - de $65 até $1307
vs. Denver Nuggets, 25/03 - de $59 até $1563
vs. Washington Wizards, 27/03 - de $55 até $1307
vs. Miami Heat, 30/03 - de $87 até $1371
vs. Boston Celtics, 03/04 - de $125 até $3500
vs. Los Angeles Clippers, 06/04 - de $145 até $5000
vs. Utah Jazz, 13/04 - de $525 até $9311

Memphis Grizzlies

vs. Milwaukee Bucks, 28/01 - de $10 até $140
vs. Sacramento Kings, 30/01 - de $15 até $195
vs. Dallas Mavericks, 06/02 - de $15 até $195
vs. Portland Trail Blazers, 08/02 - de $10 até $140
vs. Minnesota Timberwolves, 19/02 - de $10 até $140
vs. Los Angeles Lakers, 24/02 - de $15 até $350
vs. Sacramento Kings, 02/03 - de $10 até $140
vs. Utah Jazz, 04/03 - de $15 até $195
vs. Phoenix Suns, 06/03 - de $10 até $140
vs. New Orleans Pelicans, 11/03 - de $15 até $195
vs. Minnesota Timberwolves, 16/03 - de $10 até $140
vs. Los Angeles Clippers, 19/03 - de $27 até $290
vs. San Antonio Spurs, 28/03 - de $15 até $195
vs. Denver Nuggets, 30/03 - de $10 até $140
vs. Toronto Raptors, 01/04 - de $15 até $195
vs. Chicago Bulls, 05/04 - de $15 até $275
vs. Golden State Warriors, 09/04 - de $20 até $400

*Esses são os ingressos mais baratos. Outros setores o Ticket Master vende de forma diferente (apenas pacotes)

Miami Heat

vs. Atlanta Hawks, 31/01 - de $35 até $375
vs. Los Angeles Clippers, 07/02 - de $40 até $450
vs. San Antonio Spurs, 09/02 - de $40 até $400
vs. Washington Wizards, 20/02 - de $25 até $375
vs. Indiana Pacers, 22/02 - de $20 até $350
vs. Golden State Warriors, 24/02 - de $70 até $500
vs. Chicago Bulls, 01/03 - de $30 até $400
vs. Phoenix Suns, 03/03 - de $20 até $350
vs. Philadelphia 76ers, 06/03 - de $15 até $330
vs. Denver Nuggets, 14/03 - de $20 até $350
vs. Charlotte Hornets, 17/03 - de $15 até $330
vs. Cleveland Cavaliers, 19/03 - de $85 até $500
vs. Orlando Magic, 25/03 - de $20 até $350
vs. Brooklyn Nets, 28/03 - de $15 até $330
vs. Detroit Pistons, 05/04 - de $15 até $330
vs. Chicago Bulls, 07/04 - de $30 até $400
vs. Orlando Magic, 10/04 - de $20 até $350

*Esses são os ingressos mais baratos da American Airlines Arena. Outros setores o Ticket Master vende de forma diferente (apenas pacotes)

Milwaukee Bucks

vs. Orlando Magic, 26/01 - de $12 até $1267
vs. Miami Heat, 29/01 - de $14 até $1476
vs. Boston Celtics, 09/02 - de $12 até $1267
vs. Washington Wizards, 11/02 - de $12 até $1267
vs. Charlotte Hornets, 19/02 - de $13 até $1476
vs. Los Angeles Lakers, 22/02 - de $15 até $1578
vs. Detroit Pistons, 27/02 - de $13 até $1476
vs. Houston Rockets, 29/02 - de $13 até $1476
vs. Indiana Pacers, 02/03 - de $12 até $1267
vs. Minnesota Timberwolves, 04/03 - de $13 até $1476
vs. Oklahoma City Thunder, 06/03 - de $100 até $416
vs. Miami Heat, 09/03 - de $12 até $1267
vs. New Orleans Pelicans, 12/03 - de $13 até $1476
vs. Toronto Raptors, 15/03 - de $12 até $1267
vs. Memphis Grizzlies, 17/03 - de $12 até $1267
vs. Utah Jazz, 20/03 - de $13 até $1476
vs. Charlotte Hornets, 26/03 - de $13 até $1476
vs. Phoenix Suns, 30/03 - de $12 até $1267
vs. Orlando Magic, 01/04 - de $13 até $1476
vs. Chicago Bulls, 03/04 - de $31 até $2027
vs. Cleveland Cavaliers, 05/04 - de $31 até $2027
vs. Indiana Pacers, 13/04 - de $12 até $1267

Minnesota Timberwolves

vs. Oklahoma City Thunder, 27/01 - de $14 até $8888
vs. Chicago Bulls, 06/02 - de $17 até $999
vs. New Orleans Pelicans, 08/02 - de $5.50 até $799
vs. Toronto Raptors, 10/02 - de $5.25 até $799
vs. New York Knicks, 20/02 - de $19 até $999
vs. Boston Celtics, 22/02 - de $7.50 até $439
vs. Washington Wizards, 02/03 - de $7 até $799
vs. Brooklyn Nets, 05/03 - de $15 até $799
vs. San Antonio Spurs, 08/03 - de $8 até $999
vs. Golden State Warriors, 21/03 - de $32.25 até $1000
vs. Sacramento Kings, 23/03 - de $5.25 até $799
vs. Utah Jazz, 26/03 - de $12.50 até $799
vs. Phoenix Suns, 28/03 - de $5.25 até $799
vs. Los Angeles Clippers, 30/03 - de $10 até $999
vs. Dallas Mavericks, 03/04 - de $8 até $799
vs. Houston Rockets, 11/04 - de $8 até $999
vs. New Orleans Pelicans, 13/04 - de $10.49 até $799

New Orleans Pelicans

vs. Sacramento Kings, 28/01 - de $10 até $334
vs. Brooklyn Nets, 30/01 - de $12 até $800
vs. Memphis Grizzlies, 01/02 - de $12 até $334
vs. Los Angeles Lakers, 06/02 - de $34 até $6631
vs. Utah Jazz, 10/02 - de $6 até $500
vs. Philadelphia 76ers, 19/02 - de $10 até $350
vs. Oklahoma City Thunder, 25/02 - de $6 até $1023
vs. Minnesota Timberwolves, 27/02 - de $12 até $334
vs. San Antonio Spurs, 03/03 - de $14 até $1023
vs. Utah Jazz, 05/03 - de $12 até $334
vs. Sacramento Kings, 07/03 - de $6 até $306
vs. Portland Trail Blazers, 18/03 - de $12 até $306
vs. Los Angeles Clippers, 20/03 - de $16 até $1223
vs. Miami Heat, 22/03 - de $14 até $522
vs. Toronto Raptors, 26/03 - de $12 até $445
vs. New York Knicks, 28/03 - de $10 até $445
vs. Denver Nuggets, 31/03 - de $10 até $445
vs. Los Angeles Lakers, 08/04 - de $40 até $10000
vs. Phoenix Suns, 09/04 - de $12 até $1022
vs. Chicago Bulls, 11/04 - de $14 até $1022

New York Knicks

vs. Oklahoma City Thunder, 26/02 - de $62 até $6695
vs. Phoenix Suns, 29/02 - de $56 até $1999
vs. Golden State Warriors, 31/01 - de $217 até $60 até $4249
vs. Boston Celtics, 02/02 - de $60 até $4249
vs. Memphis Grizzlies, 05/02 - de $60 até $4378
vs. Denver Nuggets, 07/02 - de $56 até $4378
vs. Washington Wizards, 09/02 - de $58 até $4378
vs. Toronto Raptors, 22/02 - de $55 até $4635
vs. Orlando Magic, 26/02 - de $59 até $4378
vs. Miami Heat, 28/02 - de $79 até $4893
vs. Portland Trail Blazers, 01/03 - de $52 até $4429
vs. Detroit Pistons, 05/03 - de $77 até $4532
vs. Sacramento Kings, 20/03 - de $57 até $4378
vs. Chicago Bulls, 24/03 - de $112 até $7725
vs. Cleveland Cavaliers, 26/03 - de $173 até $8755
vs. Brooklyn Nets, 01/04 - de $76 até $6180
vs. Indiana Pacers, 03/04 - de $56 até $4249
vs. Charlotte Hornets, 06/04 - de $50 até $4358
vs. Toronto Raptors, 10/04 - de $61 até $4794


25 de janeiro de 2016

Semana 14 recheada de bons jogos na TV brasileira


26/01/2016 - De segunda para terça - San Antonio Spurs @ Golden State Warriors - 01h30 - Sportv
26/01/2016 - Terça-Feira - Los Angeles Clippers @ Indiana Pacers - 22h - Sportv
27/01/2016 - Quarta-Feira - Phoenix Suns @ Cleveland Cavaliers - 22h - ESPN
29/01/2016 - Sexta-Feira - Houston Rockets @ Oklahoma City Thunder - 23h - ESPN
30/01/2016 - Sábado - San Antonio Spurs @ Cleveland Cavaliers - 23h30 - Sportv
31/01/2016 - Domingo - Atlanta Hawks @ Miami Heat - 21h - Sportv


O preço dos ingressos de todas as partidas - Parte 1



Posso estar fazendo a maior loucura em busca de informações, mas creio que isso seja por uma boa causa e que vai, de alguma forma, ajudar os fãs. O Paixão NBA está buscando o valor dos ingressos de cada jogo na temporada regular 2015/2016. De todas as franquias. Cada jogo. O pensamento é obter o valor mais barato das pelejas até o fim da season. Para completar, estou colocando o valor mais caro (principais assentos na arena). Se você planeja assistir algum encontro ainda em 2016, basta entrar no blog, buscar a franquia, a data e se informar a partir de que valor as entradas serão cobradas. Colocar o valor mais caro é para a pessoa ter noção de até quanto o ingresso pode custar. 

Por se tratar de algo trabalhoso e cansativo, vou dividir em três posts. Dez equipes por postagens colocadas em ordem alfabética. Qualquer tipo de informação colhida aqui são do site oficial de tickets da NBA. A ideia desse trabalho veio depois que o PN trouxe os valores médios de ingressos, estacionamento, refrigerante, cerveja e hotdog em cada arena da liga (link no alto do post). Felizmente foi uma publicação de muito sucesso. Entretanto, a única ressalva que fica é que muita gente não entendeu que os preços dos ingressos postos lá se tratavam do valor médio (a média do mais barato até o mais caro). Dessa vez, vou trazer o valor exato.

Os senhores e as senhoritas notarão que em alguns times os valores podem mudar bastante. O primeiro ponto que eu bato: a empresa de criação, distribuição e venda de ingressos varia dependendo do time. As mais famosas são "Ticketmaster" e "TicketsNow". Já Nuggets e Cavs, por exemplo, trabalham com a empresa "Flash Seats". Portanto, os dados repassados por cada empresa/franquia podem causar dúvidas. A Ticket Master eu consigo filtrar os setores que eu quero. A Tickets Now pega do mais barato até o mais caro (incluindo áreas VIPs e lugares à beira da quadra). 

Outro ponto bacana de notar é que os valores se alternam dependendo do jogo e da organização. E outra questão a ser observada é como os preços variam dependendo do volume de partidas naquele mês. Há casos que a equipe sai para realizar vários jogos fora de casa, onde não atua em sua Arena por um longo período. E tem situações que há diversos jogos em casa durante determinado mês; Tudo isso pode implicar em mudanças no valor cobrado.

Espero que todos aproveitem esse post inicial e que fiquem no aguardo da parte 2 e parte final. Repito: algo bem desgastante, mas que eu sempre quis buscar e compartilhar com toda a nação que curte essa liga maravilhosa denominada National Basketball Association.

Adversário - Data - Barato - Elevado

Atlanta Hawks

vs. Los Angeles Clippers, 27/01 - de $25 até $199
vs. Dallas Mavericks, 01/02 - de $17 até $109
vs. Indiana Pacers, 05/02 - de $23 até $179
vs. Orlando Magic, 08/02 - de $17 até $109
vs. Miami Heat, 19/02 - de $25 até $215
vs. Milwaukee Bucks, 20/02 - de $21 até $135
vs. Golden State Warriors, 22/02 - de $109 até $460
vs. Chicago Bulls, 26/02 - de $39 até $255
vs. Charlotte Hornets, 28/02 - de $21 até $135
vs. Memphis Grizzlies, 12/03 - de $25 até $189
vs. Indiana Pacers, 13/03 - de $23 até $140
vs. Denver Nuggets, 17/03 - de $19 até $119
vs. Houston Rockets, 19/03 - de $39 até $249
vs. Washington Wizards, de 21/03 - de $19 até $119
vs. Milwaukee Bucks, 25/03 - de $25 até $189
vs. Cleveland Cavaliers, 01/04 - de $79 até $400
vs. Phoenix Suns, 05/04 - de $19 até $119
vs. Toronto Raptors, 07/04 - de $19 até $119
vs. Boston Celtics, 09/04 - de $25 até $189

Boston Celtics

vs. Denver Nuggets, 27/01 - de $21,50 até $297,70
vs. Orlando Magic, 29/01 - de $46,10 até $328
vs. Detroit Pistons, 03/02 - de $21.75 até $297.70
vs. Sacramento Kings, 07/02 - de $58.35 até $539.05
vs. Los Angeles Clippers, 10/02 - de $58.35 até $424.60
vs. Milwaukee Bucks, 25/02 - de $29.90 até 328.35
vs. Miami Heat, 27/02 - de $80.20 até $582.95
vs. Utah Jazz, 29/02 - de $21.70 até $297.70
vs. Portland Trail Blazers, 02/03 - de $21.70 até $297.70
vs. New York Knicks, 04/03 - de $73.00 até $487.95
vs. Memphis Girzzlies, 09/03 - de $21.75 até $328.35
vs. Houston Rockets, 11/03 - de $37.05 até $393.95
vs. Oklahoma City Thunder, 16/03 - de $173 até $487
vs. Orlando Magic, 21/03 - de $21.75 até $328.35
vs. Toronto Raptors, 23/03 - de $21.75 até $328.35
vs. New Orleans Pelicans, 06/04 - de $29.90 até $328.35
vs. Milwaukee Bucks, 08/04 - de $37.05 até $393.95
vs. Charlotte Hornets, 11/04 - de $21.75 até $328.35
vs. Miami Heat, 13/04 - de $46.10 até $328.35

Brooklyn Nets

vs. Miami Heat, 26/01 - de $25 até $395
vs. Detroit Pistons, 01/02 - de $20 até $295
vs. Indiana Pacers, 03/02 - de $25 até $375
vs. Sacramento Kings, 05/02 - de $20 até $375
vs. Denver Nuggets, 08/02 - de $20 até $350
vs. Memphis Grizzlies, 10/02 - de $20 até $350
vs. New York Knicks, 19/02 - de $69 até $775
vs. Charlotte Hornets, 21/02 - de $25 até $375
vs. Milwaukee Bucks, 13/03 - de $20 até $375
vs. Philadelphia 76ers, 15/03 - de $20 até $350
vs. Charlotte Hornets, 22/03 - de $20 até $350
vs. Cleveland Cavaliers, 24/03 - de $75 até $775
vs. Indiana Pacers, 26/03 - de $35 até $450
vs. New Oreans Pelicans, 03/04 - de $35 até $495
vs. Washington Wizards, 11/04 - de $25 até $450
vs. Toronto Raptors, 13/04 - de $25 até $450

Charlotte Hornets

vs. Cleveland Cavaliers, 03/02 - de $40 até $695
vs. Miami Heat, 05/02 - de $36 até $400
vs. Washington Wizards, 06/02 - de $29 até $343
vs. Chicago Bulls, 08/02 - de $26 até $338
vs. Phoenix SUns, 01/03 - de $16.50 até $322
vs. Indiana Pacers, 04/03 - de $23.50 até $339
vs. Minnesota Timberwolves, 07/03 - de $17.50 até $322
vs. New Orleans Pelicans, 09/03 - de $20.50 até $333
vs. Detroit Pistons, 11/03 - de 11/03 - de $21.50 até $334
vs. Houston Rockets, 12/03 - de $33 até $380
vs. Dallas Mavericks, 14/03 - de $19.50 até $334
vs. Orlando Magic, 16/03 - de $16.50 até $322
vs. Denver Nuggets, 19/03 - de $27 até $341
vs. San Antonio Spurs, 21/03 - de $25 até $343
vs. Philadelphia 76ers, 01/04 - de $5 até $334
vs. Brooklyn Nets, 08/04 - de $25 até $336
vs. Orlando Magic, 13/04 - de $19.50 até $325

Chicago Bulls

vs. Miami Heat, 25/01 - de $40 até $700
vs. Atlanta Hawks, 10/02 - de $40 até $807
vs. Toronto Raptors, 19/02 - de $45 até $1043
vs. Los Angeles Lakers, 21/02 - de $170 até $3999
vs. Washington Wizards, 24/02 - de $40 até $1750
vs. Portland Trail Blazers, 27/02 - de $45 até $988
vs. Houston Rockets, 05/03 - de $45 até $1090
vs. Milwaukee Bucks, 07/03 - de $45 até $1500
vs. Miami Heat, 11/03 - de $44 até $1999
vs. Brooklyn Nets, 17/03 - de $40 até 1750
vs. Utah Jazz, 19/03 - de $40 até $1750
vs. Sacramento Kings, 21/03 - de $40 até $1500
vs. New York Knicks, 23/03 - de $40 até $993
vs. Atlanta Hawks, 28/03 - de $40 até $1001
vs. Detroit Pistons, 02/04 - de $40 até $1014
vs. Cleveland Cavaliers, 09/04 - de $105 até $2613
vs. Philadelphia 76ers - 13/04 - de $40 até $1110

Cleveland Cavaliers

vs. Minnesota Timberwolves, 25/01 - de $9.10 até $1400
vs. Phoenix Suns, 27/01 - de $11.50 até $2000
vs. San Antonio Spurs, 30/01 - de $63 até $3000
vs. Boston Celtics, 05/02 - de $30 até $5000
vs. New Orleans Pelicans, 06/02 - de $39.99 até $5000
vs. Sacramento Kings, 08/02 - de $16 até $5000
vs. Los Angeles Lakers, 10/02 - de $99 até $10000
vs. Chicago Bulls, 18/02 - de $45 até $5000
vs. Detroit Pistons, 22/02 - $17 até $750
vs. Charlotte Hornets, 24/02 - de $15 até $899
vs. Indiana Pacers, 29/02 - de $18 até $970
vs. Washington Wizards, 04/03 - de $33.50 até $5000
vs. Boston Celtics, 05/03 - de $50 até $5000
vs. Memphis Grizzlies, 07/03 - de $18 até $900
vs. Dallas Mavericks, 16/03 - de $20.99 até $2500
vs. Denver Nuggets, 21/03 - de $15 até $950
vs. Milwaukee Bucks, 23/03 - de $20 até $899
vs. Houston Rockets, 29/03 - de $25 até $1000
vs. Brooklyn Nets, 31/03 - de $20 até $1500
vs. Charlotte Hornets, 03/04 - de $36.99 até $1299
vs. Atlanta Hawks, 11/04 - de $18 até $999
vs. Detroit Pistons, 13/04 - de $18.98 até $1500

Dallas Mavericks

vs. Brooklyn Nets, 29/01 - de $15 até 983
vs. Phoenix Suns, 31/01 - de $10 até 932
vs. Miami Heat, 03/02 - de $11 até $1015
vs. San Antonio Spurs, 05/02 - de $56 até $2084
vs. Utah Jazz, 09/02 - de $7 até $906
vs. Philadelphia 76ers, 21/02 - de $7 até $878
vs. Oklahoma City Thunder, 24/02 - de $21 até $1372
vs. Denver Nuggets, 26/02 - de $9 até $933
vs. Minnesota Timberwolves, 28/02 - de $7 até $851
vs. Orlando Magic, 01/03 - de $7 até $571
vs. Sacramento Kings, 03/03 - de $7 até $889
vs. Los Angeles Clippers, 07/03 - de $23 até $1160
vs. Detroit Pistons, 09/03 - de $9 até $1160
vs. Indiana Pacers, 12/03 - de $13 até $1160
vs. Golden Stata Warriors, 18/03 - de $83 até $1803
vs. Portland Trail Blazers, 20/03 - de $9 até $1160
vs. New York Knicks, 30/03 - de $12 até $1160
vs. Houston Rockets, 06/04 - de $15 até $1160
vs. Memphis Grizzlies, 08/04 - de $10 até $1160
vs. San Antonio Spurs, 13/04 - de $30 até $1667

Denver Nuggets

vs. Atlanta Hawks, 25/01 - de $15 até $230
vs. Toronto Raptors, 01/02 - de $12 até $575
vs. Chicago Bulls, 05/02 - de $21.50 até $575
vs. Boston Celtics, 21/02 - de $17 até $575
vs. Sacramento Kings, 23/02 - de $12 até $575
vs. Memphis Grizzlies, 29/02 - de $12 até $575
vs. Los Angeles Lakers, 02/03 - de $32 até $1999
vs. Brooklyn Nets, 04/03 - de $15 até $200
vs. Dallas Mavericks, 06/03 - de $20 até $200
vs. New York Knicks, 08/03 - de $22 até $200
vs. Phoenix Suns, 10/03 - de $12 até $130
vs. Washington Wizards, 12/03 - de $15 até $200
vs. Philadelphia 76ers , 23/03 - de $15 até $135
vs. Dallas Mavericks, 28/03 - de $16 até $200
vs. Sacramento Kings, 02/04 - de $14.99 até $149
vs. Oklahoma City Thunder, 05/04 - de $20 até $220
vs. San Antonio Spurs, 08/04 - de 18.99 até $239
vs. Utah Jazz, 10/04 - de $15 até $155

Detroit Pistons 

vs. Philadelphia 76ers, 27/01 - de $5 até $718.25
vs. Cleveland Cavaliers, 29/01 - de $38 até $1722.22
vs. New York Knicks, 04/02 - de $8 até $1000
vs. Toronto Raptors, 08/02 - de $7 até $888.88
vs. Denver Nuggets, 10/02 - de $30 até $500
vs. New Orleans Pelicans, 21/02 - de $8.33 até $1008.99
vs. Philadelphia 76ers, 24/02 - de $5 até $444.44
vs. Toronto Raptors, 28/02 - de $8.88 até $550
vs. Portland Trail Blazers, 06/03 - de $8.40 até $500
vs. Atlanta Hawks, 16/03 - de $5.35 até $488.88
vs. Sacramento Kings, 18/03 - de $8.88 até $600
vs. Brooklyn Nets, 19/03 - de $10 até $600
vs. Milwaukee Bucks, 21/03 - de $5.50 até $550
vs. Orlando Magic, 23/03 - de $5 até $550
vs. Charlotte Hornets, 25/03 - de $5.27 até $550
vs. Atlanta Hawks, 26/03 - de $11.22 até $550
vs. Oklahoma City Thunder, 29/03 - de $20 até $1500
vs. Dallas Mavericks, 01/04 - de $10 até $550
vs. Washington Wizards, 08/04 - de $9.80 até $550
vs. Miami Heat, 12/04 - de $11 até $583.33

Golden State Warriors

vs. San Antonio Spurs, 25/01 - de $165 até $1400
vs. Dallas Mavericks, 27/01 - de $90 até $800
vs. Oklahoma City Thunder, 06/02 - de $250 até $1000
vs. Houston Rockets, 09/02 - de $100 até $900
vs. Atlanta Hawks, 01/03 - de $75 até $700
vs. Oklahoma City Thunder, 03/03 - de $160 até $1400
vs. Orlando Magic, 07/03 - de $90 até $675
vs. Utah Jazz, 09/03 - de $75 até $750
vs. Portland Trail Blazers, 11/03 - de $100 até $850
vs. Phoenix Suns, 12/03 - de $125 até $825
vs. New Orleans Pelicans, 14/03 - de $80 até $675
vs. New York Knicks, 16/03 - de $90 até $700
vs. Los Angeles Clippers, 23/03 - de $120 até $1150
vs. Dallas Mavericks, 25/03 - de $100 até $725
vs. Philadelphia 76ers, 27/03 - de $70 até $700
vs. Washington Wizards, 29/03 - de $75 até $705
vs. Boston Celtics, 01/04 - de $100 até $800
vs. Portland Trail Blazers, 03/04 - de $95 até $715
vs. Minnesota Timberwolves, 05/04 - de $80 até $675
vs. San Antonio Spurs, 07/04 - de $120 até $1150
vs. Memphis Grizzlies, 13/04 - de $100 até $700

Pintou alguma dúvida, algum questionamento ou algum comentário? Manda pro PACHAO aí!